PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Moradores sem teto protestam em ato de campanha de Haddad em SP

Grupo de sem teto entra em confronto com militantes do PT em evento da campanha de Haddad, em São Paulo - Pablo Raphael/UOL
Grupo de sem teto entra em confronto com militantes do PT em evento da campanha de Haddad, em São Paulo Imagem: Pablo Raphael/UOL

Pablo Raphael

Do UOL, em São Paulo

27/09/2016 19h53

Um grupo de moradores sem teto provocou tumulto no "Ato pela Virada", evento da campanha de Fernando Haddad (PT) pela reeleição, em São Paulo. O protesto era contra a ação de despejo da comunidade de Alcântara, marcada para 13 de novembro.

O grupo trouxe faixas e gritou palavras de ordem no início do ato, o que acabou causando atrito com militantes do PT. Houve discussão e princípio de confronto quando militantes petistas tentaram remover os sem teto - apesar da organização do evento permitir que ficassem. Os manifestantes culpavam a administração municipal pelo pedido de reintegração de posse na Justiça, que acabou acatado. Haddad é o atual prefeito de São Paulo.

No tumulto, que ocorreu antes da chegada de Haddad e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao local do evento - Casa de Portugal, no bairro da Liberdade (região central de São Paulo), houve agressões e tentativa de invasão do local.

Os sem teto não quiseram dar entrevista. Nos gritos de ordem, disseram que o governo de Haddad "não é esquerda e só representa gente branca e rica". O grupo acabou indo embora antes das chegadas de Haddad e Lula.

 

Cotidiano