Violência no Rio

Polícia do Rio tenta prender suspeitos de roubar turistas na trilha do Corcovado

Do UOL, no Rio

  • Pedro Teixeira/Agência O Globo

    Policiais civis e militares realizam operação na comunidade Cerro-Corá, na zona sul carioca

    Policiais civis e militares realizam operação na comunidade Cerro-Corá, na zona sul carioca

As polícias Civil e Militar do Rio de Janeiro realizaram, nesta sexta-feira (14), uma operação para tentar prender sete suspeitos de participação em assaltos a turistas nas trilhas do Corcovado, onde fica o Cristo Redentor. A ação ocorre na comunidade Cerro-Corá, no Cosme Velho, na zona sul carioca, localizada na mesma região. A comunidade possui uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora).

Segundo a PM, até o fim da manhã, seis pessoas foram levadas para a Deat (Delegacia Especial de Apoio ao Turismo). A polícia não informou, no entanto, se os conduzidos estavam ou não na lista de procurados.

A relação de suspeitos foragidos tem sete adultos (contra os quais há mandados de prisão) e um adolescente (mandado de busca e apreensão).

Na semana passada, em 5 de julho, dois casais de turistas estrangeiros foram vítimas de um assalto na trilha que leva ao Corcovado. Além de terem seus pertences roubados, duas vítimas --um inglês e um polonês-- foram esfaqueadas pelos ladrões, segundo a polícia.

Ambos foram encaminhados ao Hospital Municipal Miguel Couto, no Leblon (zona sul), onde receberam atendimento.

O Cristo Redentor é um dos principais cartões postais da cidade e considerado patrimônio histórico-cultural da capital fluminense. No entanto, o histórico de assaltos nas trilhas que levam ao Corcovado não é recente. Vários casos foram relatados à polícia desde o início do ano.

Em 7 de julho, a Polícia Civil chegou a recomendar o fechamento da trilha, que mede cerca de dois quilômetros, por medida de segurança.

Na entrada do Parque Lage, onde a trilha começa, cartazes foram afixados por usuários com mensagens em inglês e português. O material alerta para o perigo na região: "Alto risco de roubos" e "Não arrisque sua vida".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos