Topo

Engavetamento de mais de 30 carros deixa ao menos dois mortos em rodovia de São Paulo

Vítimas feridas foram levadas para hospital da região - NILTON CARDIN/ESTADÃO CONTEÚDO
Vítimas feridas foram levadas para hospital da região
Imagem: NILTON CARDIN/ESTADÃO CONTEÚDO

Luís Adorno

Do UOL, em São Paulo

30/08/2017 10h02Atualizada em 30/08/2017 22h03

Um grave acidente, envolvendo ao menos 34 carros, terminou em engavetamento e ao menos duas mortes por volta das 7h40 desta quarta-feira (30), na altura do KM 75 da rodovia Carvalho Pinto, sentido Rio, em Jacareí, interior de São Paulo, segundo o Corpo de Bombeiros.

De acordo com os Bombeiros, pelo menos duas carretas, sendo uma de tinta e outra de metais, colidiram entre os outros veículos leves. Segundo a PRE (Polícia Rodoviária Estadual), o caminhão que transportava tintas não conseguiu frear e bateu no que levava a carga de metais. Ainda não se sabe se a falta de freios ocorreu por causa de um problema mecânico ou por erro humano. 

Logo após essa primeira colisão, os veículos que vinham logo atrás também não conseguiram parar ou desviar e também bateram. Com as batidas, alguns carros pegaram fogo.

"Antes do carro explodir consegui tirar meu companheiro. Saí andando no meio da fumaça. Deus que não quis nos chamar hoje", afirmou o empresário Otávio Diniz, 48, que dirigia um dos primeiros carros a bater nos caminhões.

Diniz contou que conseguiu sair do veículo e tirar o seu funcionário, que estava desacordado no banco do carona, antes de o carro explodir.

O local da rodovia onde o acidente aconteceu é um viaduto, com cerca de 30 metros de altura. Uma pessoa morreu ao cair de lá.

"A gente orientava as pessoas: 'vamos sair dos carros'. Uma das pessoas não sabia que por trás da mureta era um precipício e infelizmente pulou e se foi", disse o motorista Jean Duarte em entrevista a jornalistas no local do acidente.

Outra pessoa foi encontrada morta nos destroços do caminhão de metal. Mais de 20 pessoas foram resgatadas, ainda segundo os Bombeiros, sendo que 12 foram levadas ao Hospital Santa Casa de Jacareí. Quatro delas tiveram alta. Outras vítimas foram levadas ao Hospital Municipal de São José. Dos feridos, os Bombeiros informaram que dois estão em estado grave.

O mecânico gráfico Eduardo Gonçalves, 38, um dos sobreviventes, disse acreditar que o acidente pode ter sido provocado pela falta de visibilidade - pois uma queimada em um matagal próximo teria lançado fumaça sobre a rodovia.

Procurada, a PRE confirmou as duas mortes. Em entrevista à Band News TV, o major Alexandre da Silva Xavier, da PRE, informou que as vítimas ainda não haviam sido identificadas. 

Veículos pegaram fogo com o engavetamento que ocorreu na manhã desta quarta-feira - Divulgação/Corpo de Bombeiros
Veículos pegaram fogo com o engavetamento que ocorreu na manhã desta quarta-feira
Imagem: Divulgação/Corpo de Bombeiros

Para atender a ocorrência, foram enviados ao local 15 equipes do Corpo de Bombeiros, que fizeram a contenção das chamas. Segundo os bombeiros, por volta das 9h10, o fogo já havia sido controlado. 

A rodovia foi completamente interditada no sentido Rio de Janeiro. Por isso, foi implantado um desvio, no quilômetro 73 da rodovia Dom Pedro, para quem precisaria passar pelo trecho. 

Entre os carros envolvidos no acidente, estavam duas carretas - Divulgação/Corpo de Bombeiros
Entre os carros envolvidos no acidente, estavam duas carretas
Imagem: Divulgação/Corpo de Bombeiros

Colaboração de Mirthyani Bezerra

Mais Cotidiano