Topo

Detran diz que estelionatários usam nome do presidente do órgão em golpe na internet

Perfil, informações e anúncio são falsos e fazem parte de golpe, diz Detran - Reprodução/Facebook
Perfil, informações e anúncio são falsos e fazem parte de golpe, diz Detran Imagem: Reprodução/Facebook

Luís Adorno

Do UOL, em São Paulo

27/07/2018 11h51Atualizada em 27/07/2018 11h51

O Detran (Departamento Estadual de Trânsito) de São Paulo alerta para golpes na internet que usam perfis falsos do atual diretor-presidente do órgão, Maxwell Vieira. Segundo o Detran, por meio de redes sociais estelionatários oferecem supostas soluções envolvendo CNH (Carteira Nacional de Habilitação), quitação de multas e serviços de veículos --mas é golpe.

"O Detran-SP e seus funcionários não prestam serviços por meio das redes sociais. O único canal para isso é o site oficial do departamento. Lá, o cidadão consegue realizar 36 serviços online, entre CNH, veículos e outros", afirma a entidade em nota.

Um boletim de ocorrência foi registrado na Polícia Civil pela direção do órgão, que quer uma investigação para que os responsáveis pelos perfis sejam penalizados. A polícia está investigando a denúncia. O órgão também alertou o Facebook sobre a existência desses perfis falsos, disse o Detran.

No Facebook e no site, o Detran mantém uma página oficial onde é possível tirar dúvidas de como realizar serviços nas unidades do estado de São Paulo.

Ainda segundo o órgão, o motorista que optar por qualquer outra ação não oficial relacionada ao Detran pode ser responsabilizado criminalmente. Denúncias podem ser feitas ao órgão por meio do site, no link "Ouvidoria".

Qualquer cidadão pode denunciar ocorrências desse tipo ao Disque Denúncia 181. O serviço é da SSP (Secretaria da Segurança Pública) e o sigilo é absoluto. A denúncia também pode ser feita na internet por meio do www.webdenuncia.org.br.

Mais Cotidiano