PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês
Traficante é preso em prédio de luxo com R$ 58 mil e tenta subornar polícia

Suspeito de tráfico ofereceu R$ 100 mil a policiais, de acordo com a corporação - Alberto Maraux / SSP-BA/Divulgação
Suspeito de tráfico ofereceu R$ 100 mil a policiais, de acordo com a corporação Imagem: Alberto Maraux / SSP-BA/Divulgação

Aliny Gama

Colaboração para o UOL, em Maceió

25/11/2020 13h48

Um homem apontado pela polícia como um dos maiores traficantes de drogas da Bahia foi preso em flagrante em Salvador na noite de ontem, dirigindo o carro de luxo Audi A5. Ele chegava ao edifício de luxo Mansão Ilha de Delfos, localizado no Alto do Itaigara, onde mantinha uma vida de alto padrão.

A SSP-BA (Secretaria de Segurança Pública da Bahia) informou que a PM (Polícia Militar) apreendeu R$ 58 mil e drogas no apartamento do homem, e que ele tentou subornar os policiais oferecendo R$ 100 mil para não ser preso.

O homem comercializava drogas no próprio apartamento, além de abastecer a região de Amaralina com entorpecentes e fornecia armas para uma facção criminosa, segundo a SSP-BA. O nome dele não foi divulgado em cumprimento à lei de Abuso de Autoridade, que proíbe agentes públicos de divulgarem nomes de pessoas que não foram julgadas pela Justiça.

A prisão do traficante ocorreu após a PM receber denúncia anônima e montar campana na frente do edifício onde o homem residia. As equipes destacadas para a campanha foram da 40ª CIPM (Nordeste de Amaralina) e da Rondesp BTS. Os policiais relataram que durante a prisão, ele ainda tentou subornar a equipe oferecendo R$ 100 mil e armas para ser liberado, mas lhe foi dada voz de prisão.

predio - Alberto Maraux / SSP-BA/Divulgação - Alberto Maraux / SSP-BA/Divulgação
Traficante vivia em condomínio de alto padrão
Imagem: Alberto Maraux / SSP-BA/Divulgação

"Os policiais foram até o apartamento do criminoso, onde encontraram porções de skank e haxixe, além de anotações do comércio de entorpecentes e armas, dois celulares modelo iPhone e joias. Aos policiais, ele contou que morava no Alto do Itaigara, onde também comercializava entorpecentes de 'alta qualidade'", disse a SSP-BA.

O traficante e os materiais apreendidos foram apresentados ao Draco (Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado) para procedimentos policiais. Ele está à disposição da Justiça aguardando audiência de custódia. O UOL não conseguiu localizar a defesa do preso. A polícia informou que, durante a prisão, ele não apresentou advogado.

"Esse indivíduo gerenciava a distribuição de drogas e também vendia, tudo isso em um bairro nobre da capital", destacou o comandante do Policiamento Regional (CPR) Atlântico, coronel Manoel Xavier.

Suposto traficante é morto

Outro homem apontado como fornecedor de drogas para os municípios de Salvador, Lauro de Freitas (BA), Simões Filho (BA), Fátima (BA), Valente (BA) e Conceição do Coité (BA) foi localizado em Simões Filho, na noite de ontem, e morreu durante confronto com as polícias Federal e Militar.

A SSP-BA informou que foram apreendidos com o traficante uma pistola calibre 380, carregadores, munições para fuzil calibre 7,62, porções de cocaína e maconha, além de R$ 1,2 mil.

"Durante cerco, ele e comparsas atiraram contra as equipes. Após confronto, o traficante acabou ferido e não resistiu. O restante do bando conseguiu escapar", informou a SSP-BA.

Até agora, a polícia não conseguiu capturar nenhum suspeito de integrar o bando liderado pelo traficante que morreu. O nome dele também não foi divulgado.

Cotidiano