PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Damares promete acompanhar apuração sobre ataque em SC: coração em pedaços

Damares Alves diz que vai acompanhar investigação e se colocou à disposição das famílias das vítimas de ataque a creche - Wallace Martins/Futura Press/Estadão Conteúdo
Damares Alves diz que vai acompanhar investigação e se colocou à disposição das famílias das vítimas de ataque a creche Imagem: Wallace Martins/Futura Press/Estadão Conteúdo

Do UOL, em São Paulo

04/05/2021 14h24Atualizada em 04/05/2021 17h00

A ministra de Estado da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, disse hoje que está com o "coração em pedaços" com a notícia do ataque a uma creche em Saudades (SC) e disse que vai acompanhar as investigações.

Damares foi a primeira representante do Governo Federal a se manifestar sobre o ataque de um jovem de 18 anos que resultou na morte de três crianças e duas mulheres. A ministra ainda se colocou à disposição para ajudar autoridades locais e famílias

"Acordamos hoje com esta chocante notícia de um ataque a uma escola infantil e que resultou na morte de crianças, no município de Saudades (SC). Muitas perguntas ainda em torno deste caso. Vamos acompanhar de perto as investigações", escreveu.

"Nos colocamos à disposição das autoridades locais e das famílias para ajudar no que for necessário. Que Deus conforte os corações dos familiares das vítimas", completou.

Damares ainda pediu união na causa da defesa da criança.

Meu coração está em pedaços. Todos precisamos nos unir, esquecer nossas diferenças, para a causa da defesa da criança. Chega!
Damares Alves, ministra de Estado da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos

Ataque com facão

Segundo a Polícia Militar, um jovem de 18 anos armado com um facão invadiu hoje uma creche municipal em Saudades, a 446 km de Florianópolis (SC), e desferiu golpes em crianças e adultos dentro do estabelecimento de ensino. A corporação confirmou ao menos cinco mortes, sendo três de crianças e duas mulheres.

A Polícia Civil informou que duas crianças morreram no local e uma terceira veio a óbito após atendimento médico no hospital em Saudades. Todas são alunas da creche e tinham menos de dois anos, confirmou o delegado Jerônimo Marçal. Já entre as adultas, uma professora morreu no local e uma funcionária da creche foi hospitalizada, mas não resistiu.

Internado em Chapecó, o estado de saúde do homem era estável até a tarde de hoje.

Mapa Saudades (SC) - Arte/UOL - Arte/UOL
Mapa Saudades (SC)
Imagem: Arte/UOL

Cotidiano