Conteúdo publicado há 2 meses

Justiça de SP manda Nunes apresentar plano contra enchentes na zona leste

A Justiça de São Paulo concedeu liminar para que a prefeitura da capital apresente, em 20 dias, um plano contra enchentes no entorno das avenidas Paranaguá e Milene Elias, localizadas no bairro de Ermelino Matarazzo.

O que aconteceu

A determinação da 13ª Vara de Fazenda Pública da Capital, publicada na última quinta-feira (30), também pede que a administração Ricardo Nunes (MDB) informe as medidas implementadas para sanar o problema na região e os valores destinados a esses serviços na Lei Orçamentária dos últimos três anos.

A decisão, assinada pela juíza Maria Gabriella Pavlópoulos Spaolonzi, ressalta que moradores e comerciantes do bairro sofrem há anos com ocorrências de alagamentos, mesmo em períodos de chuvas menos intensas. O Instituto Padre Ticão, autor do pedido, apresentou laudo hidrológico apontando medidas para o enfrentamento do problema.

Cabe recurso da decisão.

Por meio de nota, a prefeitura de São Paulo disse que ainda não foi notificada, mas apresentará as informações solicitadas. "A Secretaria Municipal de Infraestrutura Urbana e Obras (SIURB) destaca que para a região mencionada pela reportagem está desenvolvendo projeto executivo de canalização do Córrego Boturussu. O projeto será finalizado em breve para posterior licitação e execução da obra".

O município também citou outras três obras já concluídas. "Já para a região de Ermelino Matarazzo, a SIURB já concluiu três obras para mitigação de riscos e outras três já estão em andamento. O investimento total nas seis intervenções é de R$ 56 milhões".

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes