Poço da BP tem mais um ponto de vazamento, afirma porta-voz da Casa Branca

Do UOL Notícias*
Em São Paulo

O porta-voz do governo, Robert Gibbs, afirmou nesta segunda-feira (19) que foi detectado mais um ponto de vazamento na superfície do poço da BP, além do já detectado a cerca de três quilômetros da abertura principal.

Apesar disso, Thad Allen, almirante da Guarda Costeira responsável por acompanhar o vazamento no golfo do México, disse que a empresa se comprometeu a acompanhar de perto os novos vazamentos e, por isso, o governo norte-americano autorizou que a BP mantenha a tampa mecânica, instalada na quinta-feira.

A principal preocupação da Casa Branca é que a estrutura subterrânea do poço esteja danificada e que o óleo se infiltre através das rochas e acabe vazando em múltiplos pontos do solo marinho.

Ontem, o almirante Allen divulgou uma carta afirmando que a BP deveria aumentar ao máximo as precauções e a vigilância após ter detectado o primeiro vazamento próximo ao poço.

Em comunicado, Allen afirmou hoje que o governo obteve as respostas que precisava durante uma conferência telefônica na noite passada e que vai manter a autorização da tampa sobre o local do vazamento.

"Durante a conversa, a equipe de cientistas federais obteve as respostas que estava buscando e os compromissos da BP de cumprir com suas obrigações de supervisão e notificação (ao governo)", disse Allen.

Questionado sobre os vazamentos, o porta-voz da BP Mark Salt declarou que "continuamos a trabalhar muito com todos os cientistas do governo sobre isso".
 

Assista ao local do vazamento ao vivo

*Com informações de agências internacionais

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos