PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Esse conteúdo é antigo

Famílias de outras vítimas da violência policial foram a funeral de Floyd

Do UOL, em São Paulo

09/06/2020 18h22

Familiares de outros negros vítimas da violência policial participaram hoje do funeral de George Floyd em Houston, no Texas.

A mãe de Eric Garner, a irmã de Botham Jean, a família de Pamela Turner e o pai de Michael Brown foram reconhecidos e citados pelo reverendo Al Sharpton, que conduzia a cerimônia na Igreja Fonte do Louvor.

Floyd foi assassinado há duas semanas por um policial branco, em Mineápolis, Minnesota; seu funeral foi dividido em dois dias: aberto ao público, ontem, e privado, para amigos, familiares e convidados, hoje.

"Reconheço aqui várias famílias que também foram sacrificadas. Mas eles quiseram estar aqui, fazer parte disso porque entendem essa dor melhor do que ninguém. Eles passaram por essa dor", disse.

Sharpton também reconheceu a mãe de Trayvon Martin e o pai de Ahmaud Arbery, um homem negro morto a tiros perto de Brunswick, na Geórgia, após uma perseguição de pelo menos dois homens armados brancos.

Um por um, o reverendo pediu que se levantassem enquanto outros presentes aplaudiam.

"Todas essas famílias passaram a apoiar os Floyd porque sabem melhor do que ninguém a dor que sofrerão com a perda pela qual passaram", concluiu Sharpton.

Internacional