PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
4 meses

Empresário morre atropelado por próprio veículo ao tentar impedir roubo

Nowan Miah foi atropelado quando tentava impedir roubo do carro dele durante uma entrega de refeição - Reprodução
Nowan Miah foi atropelado quando tentava impedir roubo do carro dele durante uma entrega de refeição Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

11/01/2021 10h19

Haju Mohammed Hedayatul Islam, conhecido como Nowan Miah, foi atropelado pelo próprio veículo após tentar impedir o roubo do carro que usava para entregar refeições de seu restaurante. O atropelamento aconteceu quando Nowan fazia uma entrega na cidade de Stockport, na Inglaterra, na última sexta-feira. Ele foi levado ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu ontem. Um adolescente de 14 anos foi preso por suspeita de participar da ação.

Nowan tinha 53 anos e foi atropelado pelos ladrões que roubaram o carro dele ao tentar impedir a ação por volta das 21h (horário local). Em seguida, os homens fugiram com o veículo e deixaram o homem ferido na estrada. O dono do restaurante de comida indiana, Marple Spice, foi levado aohospital, mas não resistiu aos ferimentos e morreu ontem, segundo a polícia.

Segundo o site Metro UK, um adolescente de 14 anos foi preso sob suspeita de participação no roubo e está detido sob custódia policial. A polícia local acredita que outras pessoas atuaram junto ao menor de idade e pede para testemunhas irem até a delegacia para depor. A corporação ainda segue procurando a Mercedes prata que era de Nowan.

Shaf Nowab, filho da vítima, lamentou a morte do pai em uma publicação no Facebook.

"Estou triste em anunciar que meu pai, meu mentor, meu modelo Haji Mohammed Hedayatul Islam conhecido como Nowab Miah para seus amigos, infelizmente deixou este mundo cercado por uma família próxima. Muitos de vocês estarão cientes do recente incidente ocorrido em Romiley", escreveu.

E continuou: "Meu pai é a pessoa com quem aconteceu que ele estava fazendo sua última entrega para o nosso restaurante antes de ir para casa. Gostaria de agradecer a todos na comunidade por suas orações e cumprimentos e eu e minha família realmente apreciamos tudo o que vocês disseram. Eu e minha família pedimos que vocês nos mantenham em suas orações e permita que minha família aceite esta perda. Obrigado."

David Speed, testemunha ocular do atropelamento, disse que Nowab estava entregando uma refeição na casa dele quando viu o veículo sendo levado. Ele disse ao site Manchester Evening News que ouviu a campainha tocar antes de ouvir a vítima gritar "não, não, não". Nowab então correu em direção ao carro e teria se agarrado na janela do veículo antes de ser atropelado.

O inspetor-chefe da polícia local, Liam Boden, disse que o caso "extremamente trágico" abalou a comunidade local e deixou uma família de Nowab devastada.

"Acreditamos que pode haver outras pessoas envolvidas no incidente e várias linhas de investigação continuam a ser realizadas para que possamos encontrar os responsáveis. Ainda estamos pedindo ao público que forneça qualquer informação que possa nos ajudar — mesmo a menor informação pode ser vital. Qualquer pessoa que possa ter visto um Mercedes prata na área na época ou pode tê-lo visto em circunstâncias suspeitas, pedimos para entrar em contato — este veículo pode ser vital em nossa investigação", contou.

O restaurante anunciou o fechamento por alguns dias como forma de luto pela morte do proprietário.

"Marple Spice estará temporariamente fechado de 11 a 13 de janeiro de 2021 enquanto lamentamos a morte de nosso PROPRIETÁRIO, colega e querido amigo MOHAMMED HEDAYATUL ISLAM (NOWAB). Ficamos maravilhados com o AMOR e o apoio demonstrado pela comunidade LOCAL. Obrigado por nos manter em seus pensamentos e orações durante este momento verdadeiramente difícil", escreveu o restaurante na página do Facebook.

Internacional