PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
5 meses

Idoso morre após tropeçar em drive-thru do McDonald's na Austrália

Vítima chegou ao hospital com ferimentos leves, mas sucumbiu à concussão e morreu no dia seguinte - Getty Images/iStockphotos
Vítima chegou ao hospital com ferimentos leves, mas sucumbiu à concussão e morreu no dia seguinte Imagem: Getty Images/iStockphotos

Colaboração para o UOL, em São Paulo

08/01/2021 14h53

Um idoso morreu após sofrer um acidente em um drive-thru do McDonald's, na cidade de Adelaide, na Austrália. Relatos iniciais indicam que o pedestre de 89 anos tropeçou na calçada e bateu a cabeça em um carro, que saia lentamente da fila de pedidos, na quarta-feira (6). Agora a polícia procura por testemunhas para elucidar os detalhes do acidente.

Não há indícios de atropelamento ou de imprudência por parte do motorista do Toyota Sedan envolvido no acidente. A vítima recebeu socorro logo após o ocorrido, com uma ambulância sendo acionada de prontidão.

O idoso, conforme divulgado pelo telejornal local 7News, apresentava ferimentos leves no momento do resgate. No entanto, ele não resistiu à concussão e morreu ao meio-dia de ontem (horário local), praticamente um dia após chegar ao hospital Flinders Medical Center.

Ainda sem maiores detalhes do caso, a polícia trabalha com a teoria de que o homem "escorregou na calçada antes de bater com a cabeça em um Toyota Sedan que estava saindo do drive-thru", conforme relatado para o telejornal local.

A procura por testemunhas para elucidar os detalhes desta que foi a quarta morte relacionada a acidentes de trânsito na região sul da Austrália apenas em 2021, no entanto, segue ativa.

"As circunstâncias que envolveram este incidente continuam a ser investigadas e qualquer pessoa que testemunhou o evento deve entrar em contato", disse a polícia de Adelaide através de um comunicado.

O McDonald's também emitiu um comunicado manifestando seu desejo de esclarecer o acidente. "O restaurante está auxiliando a polícia na investigação e oferecemos todo o nosso apoio aos funcionários que trabalham no momento", disse um porta-voz da empresa.

"Gostaríamos de apresentar as nossas mais profundas condolências à família e aos amigos da pessoa envolvida neste acidente", completou o representante.

Internacional