Macron divulga foto oficial cheia de simbologia

Vanessa Friedman

  • Presidence de le République Francaise/AFP

    Foto oficial do presidente francês, Emmanuel Macron, no Palácio do Eliseu

    Foto oficial do presidente francês, Emmanuel Macron, no Palácio do Eliseu

Se você alguma vez duvidou de quanta importância os políticos dão para a sua imagem, a foto oficial do presidente da França, Emmanuel Macron, foi divulgada na última quinta-feira (29) para retirar quaisquer dúvidas. 

Ou melhor, um vídeo feito e postado por uma de suas consultoras de comunicação, Sibeth Ndiaye, o faz.

Nunca, pelo visto, um líder global foi tão transparente sobre a história por trás de uma foto.

O vídeo, um "bastidores" da fotografia (que será pendurada em toda cidade, delegacia de polícia e embaixada), mostra Macron olhando uma mesa vazia. Então ele a preenche, muito cuidadosamente com uma variedade de objetos: dois celulares, três livros (um livro de memórias de Charles de Gaulle; "Os Frutos da Terra", de André Gide, e "O Vermelho e o Negro", de Stendhal), um relógio de bronze e um galo de bronze. 

Ele é mostrado abrindo cuidadosamente o livro de memórias e colocando-o sobre a mesa como que para criar a impressão de que a leitura havia sido interrompida, ou em referência aos pensamentos de seu famoso antecessor.

 

O produto final, tirado pelo fotógrafo oficial Soazig De La Moissonnière, mostra Macron em um terno escuro perfeitamente passado e uma fina gravata azul marinho, contra a frente da mesa, com os objetos acima despontando atrás dele, que é flanqueado de um lado pela bandeira francesa e de outro, pela bandeira da União Europeia.

No fundo, as cortinas foram escancaradas para revelar o gramado verde do jardim do Eliseu. 

A imagem faz um contraste marcantes com a de seu antecessor, François Hollande, que mostrava o então presidente nos jardins do palácio _ as bandeiras francesa e europeia drapejadas ao longe sobre um edifício _ parecendo como se não soubesse o que fazer com as mãos.

Palácio do Eliseu
Foto oficial de François Hollande

O retrato de Macron talvez mais se parece, como muitos meios de comunicação franceses apontaram, com o de Barack Obama em 2012. 

Como cada elemento na foto claramente foi escolhido por uma razão simbólica, essa referência política provavelmente não é um acidente:

Modernidade e tecnologia: os telefones, que segundo o site da TV francesa LCI, jamais haviam aparecido num retrato presidencial francês.

Tradição: os livros clássicos, a estatueta do galo (sendo o galo um símbolo nacional). 

Abertura e ar fresco: as janelas.

Solidariedade com a Europa: as bandeiras.

Começar a trabalhar: o escritório.

E assim adiante.

Em certo nível. a natureza ensaiada da foto pode parecer um exemplo de uma pompa política exagerada. Ela gerou uma série de memes. 

Ainda assim, o fato de Macron ter sido tão aberto sobre seus próprios cálculos pode ser o mais autenticamente contemporâneo, e revelador, símbolo de todos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos