Exclusivo para assinantes UOL

Força apoiada pelos EUA pode cimentar um enclave curdo na Síria

Anne Barnard

Em Beirute (Líbano)

  • DELIL SOULEIMAN/AFP

    Apoiadores e soldados das Unidades de Proteção do Povo Curdo da Síria dirigem na rua com bandeiras de Qamishli para celebrar o anúncio das Forças Democráticas da Síria que disse ter tomado o controle total de Raqqa do Estado islâmico

    Apoiadores e soldados das Unidades de Proteção do Povo Curdo da Síria dirigem na rua com bandeiras de Qamishli para celebrar o anúncio das Forças Democráticas da Síria que disse ter tomado o controle total de Raqqa do Estado islâmico

Um plano para a criação de uma nova força de fronteira no nordeste da Síria, liderada pelos curdos e apoiada pelos Estados Unidos, tem provocado alarme na região de que os americanos possam estar ajudando a cimentar um enclave autônomo curdo que poderia dividir ainda mais o país.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos