Topo

Médico decide permanecer em sua terra natal para salvar bebês em um dos países mais pobres da África

Ashley Gilbertson/The New York Times
Crianças que sofrem de desnutrição aguda grave no centro pediátrico apoiado pela UNICEF em Bangui, República Centro-Africana Imagem: Ashley Gilbertson/The New York Times
Exclusivo para assinantes UOL

Dionne Searcey e Ashley Gilbertson

Em Bangui (República Centro-Africana)

2019-06-09T00:01:00

09/06/2019 00h01

O médico Jean Chrysostome Gody atravessa um corredor fétido no único hospital pediátrico da República Centro-Africana, com sua trilha sonora diária sendo o choro de dezenas de bebês na ala de desnutrição.

Os bebês mais enfermos permanecem em silê...

Mais Jornais internacionais