PUBLICIDADE
Topo

Casos de dengue sobem 191% e capital paulista registra 5ª morte

Soldados do Exército acompanham agentes de saúde durante inspeção no bairro do Limão, em São Paulo - Werther Santana/Estadão Conteúdo
Soldados do Exército acompanham agentes de saúde durante inspeção no bairro do Limão, em São Paulo Imagem: Werther Santana/Estadão Conteúdo

23/04/2015 19h03

O número de casos de dengue na cidade de São Paulo chegou a 20.764 até o dia 11 de abril, aumento de 191,3% em relação ao mesmo período de 2014. Até a 14ª semana do ano passado, haviam sido registrados 7.126 casos. De acordo com a Secretaria Municipal, 11 dos 96 distritos da capital estão em situação de epidemia - mais de 300 casos por 100 mil habitantes.

Foram registradas cinco mortes até agora, com a confirmação de um caso de um homem de 92 anos no Jaraguá. Outras 22 mortes estão sob suspeita -- 19 óbitos foram descartados.

No boletim anterior, divulgado há 15 dias, a capital aparecia com 8.063 casos (avanço de 157%). O ranking por bairros, considerando os dados até 11 de abril, ainda tem à frente a Brasilândia, com incidência de 904,4 casos por 100 mil. Outros 16 distritos estão em situação de emergência.

A zona norte responde por um em cada três casos registrados na capital (38,5%) e a prefeitura mantém a expectativa que o auge da doença na capital ocorra em duas ou três semanas.

Exército

Os agentes de zoonoses da Prefeitura de São Paulo iniciaram nesta quinta-feira (23) o trabalho de combate à dengue em conjunto com 50 soldados do Exército. Cada militar passou a acompanhar um agente municipal nas visitas às casas na busca por possíveis focos do mosquito Aedes aegypti.

Notícias