Topo

Esse conteúdo é antigo

Rio: videochamadas serão usadas em hospital de campanha durante isolamento

Hospital de Campanha do Rio de Janeiro usará videochamadas para pacientes na quarentena Imagem: Reprodução/Facebook/marcelocrivella

Do UOL, em São Paulo

28/04/2020 18h45

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (Republicanos), anunciou hoje via Facebook que o Hospital de Campanha no Riocentro passará a utilizar videochamadas para "humanizar e diminuir a distância entre pacientes e os seus familiares" durante pandemia do coronavírus.

"Amigos, acreditamos que o amor da família poderá ajudar muito na recuperação das pessoas internadas com a Covid-19. Por esse motivo, vamos usar a tecnologia dos tablets, com videochamadas, no Hospital de Campanha do Riocentro, para humanizar e diminuir a distância entre pacientes e os seus familiares", disse.

"A visita virtual será mais uma aliada no tratamento desses pacientes, uma vez que não poderão receber visitas físicas. Os pacientes em UTI somente poderão utilizar com autorização médica, dependendo do estado de saúde", completou o prefeito.

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro informou hoje que contabiliza 8.504 casos confirmados e 738 mortes por coronavírus no estado. Há ainda 259 óbitos em investigação e 140 foram descartados.

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Rio: videochamadas serão usadas em hospital de campanha durante isolamento - UOL

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao UOL

Coronavírus