Topo

Venezuela entra para o Guinness por fenômeno natural

Em Caracas

29/01/2014 12h28Atualizada em 29/01/2014 12h44

A organização Guinness World Record entregou na terça-feira um certificado a Venezuela como reconhecimento ao Relâmpago de Catatumbo, fenômeno natural que gera muitas tempestades elétricas no estado de Zulia (oeste), por registrar a "maior concentração de relâmpagos" do mundo.

Johanna Hessling, representante da instituição internacional, afirmou que o reconhecimento se deve à "maior concentração de relâmpagos (que ocorre) no Catatumbo, na Venezuela, sobre a boca do Rio de Catatumbo, quando entra no lago de Maracaibo".

De acordo com a estatal Agência Venezuelana de Notícias, no Catatumbo são registrados no máximo "um milhão 176 relâmpagos por ano (equivalente a 250 relâmpagos por quilômetro quadrado)". Segundo a agência, acontecem até 60 raios por minuto.

Inicialmente, havia sido anunciado que eram 20.000 relâmpagos por hora, com o máximo de 60 por minuto, o que somaria até 3.600.

O fenômeno se manifesta como um ciclo de tempestades elétricas que acontecem da noite e até a madrugada entre os meses de abril e novembro em Congo Mirador, um vilarejo de pescadores ao sul do Lago de Maracaibo, no estado de Zulia, segundo a mesma fonte.

Mais Notícias