PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
1 mês

Rússia acusa diplomatas dos EUA de publicarem rota de protestos pró-Navalny

23/01/2021 12h17

Moscou, 23 Jan 2021 (AFP) - A embaixada americana em Moscou terá de dar explicações sobre a publicação, em sua página na Internet, do itinerário das manifestações deste sábado, afirmou o Ministério russo das Relações Exteriores.

"Ontem (sexta), a embaixada dos Estados Unidos em Moscou publicou as 'rotas dos protestos' em diversas cidades russas e lançou informações sobre uma 'manifestação para o Kremlin'", disse a porta-voz do Ministério russo, Maria Zakharova, na rede social Facebook.

Nossos "colegas americanos terão de vir dar explicações", acrescentou.

Ela se referia à publicação, no site da embaixada, de uma advertência pedindo aos cidadãos americanos que não comparecessem às manifestações de sábado na Rússia. No texto, a representação norte-americana especifica em quais cidades e em quais ruas os atos estavam previstos para acontecer.

Para a diplomata russa, tratava-se de estimular os manifestantes.

Segundo ela, se a embaixada russa em Washington tivesse agido da mesma maneira, isso teria levado a "ameaças de sanções e expulsões de diplomatas russos".

Os diplomatas americanos não reagiram ao comentário, mas a porta-voz da embaixada dos EUA denunciou as detenções de manifestantes neste sábado.

alf/apo/bl/eg/mab/jz/tt