PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
3 meses

Coreia do Sul usa bens congelados para pagar dívidas do Irã na ONU

23/01/2022 09h40

Seul, 23 Jan 2022 (AFP) - A Coreia do Sul utilizou 18 milhões de dólares em bens iranianos congelados para pagar as dívidas de Teerã na ONU, informou Seul neste domingo (23).

O pagamento foi realizado na sexta-feira em cooperação com os Estados Unidos e a ONU, depois que o Irã fez uma "solicitação de emergência" à Coreia do Sul para pagar as dívidas, informou o ministério sul-coreano das Finanças.

O Irã tem mais de US$ 7 bilhões em fundos de petróleo congelados em bancos sul-coreanos devido às sanções dos EUA.

"O direito do Irã de votar na Assembleia Geral da ONU deve ser restaurado imediatamente mediante o pagamento", disse o ministério sul-coreano.

O país islâmico era o terceiro maior parceiro comercial da Coreia do Sul antes de os Estados Unidos se retirarem unilateralmente de um acordo nuclear de 2015 entre Teerã e potências mundiais, reimpondo sanções.

A ONU citou dívidas não pagas ao suspender o direito do Irã de votar na Assembleia Geral deste mês.

De acordo com a carta da ONU, um país-membro perde o direito de voto quando suas dívidas são iguais ao que deveria ter pago nos dois anos anteriores.

O Irã também perdeu o direito de votar no ano passado por dívidas não pagas. Na ocasião, disse que não poderia quitar nem mesmo o valor mínimo devido às sanções econômicas americanas.

Após meses de negociação, o Irã recebeu uma exceção para acessar o dinheiro bloqueado pelos Estados Unidos e recuperou seu direito de voto em junho, a tempo da eleição dos novos membros do Conselho de Segurança.

sh/leg/mas/mr