Reservas de urânio enriquecido do Irã são 27 vezes superiores ao limite acordado, segundo a AIEA

O Irã, que nega querer adquirir a bomba atômica, aumentou acentuadamente as suas reservas de urânio enriquecido nos últimos meses, segundo um relatório confidencial da Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) consultado pela AFP nesta segunda-feira (26).

Em 10 de fevereiro, as reservas eram de 5.525,5 kg, em comparação com os 4.486,8 kg do final de outubro, ou seja, mais de 27 vezes o limite autorizado pelo acordo internacional de 2015, que limita as atividades nucleares de Teerã em troca do levantamento das sanções internacionais. 

kym/bc/js-jvb/mb/aa