Sabesp é autorizada a encerrar multas e bônus nas contas de água

Da Agência Brasil

  • Pedro França/Agência Senado

A Arsesp (Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo) autorizou a Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) a encerrar o programa de bônus nas contas dos consumidores que economizavam água e a aplicação de multas àqueles que aumentavam os gastos.

Segundo a Arsesp, relatórios apresentados pela Sabesp "demonstram o processo de recuperação dos sistemas produtores, proporcionando assim maior previsibilidade quanto a oferta de água". A medida vai valer para as faturas a partir de 1° de maio.

"A Sabesp deverá manter a divulgação de avaliações atualizadas da situação dos sistemas produtores que abastecem a Região Metropolitanas de São Paulo, assim como campanhas de incentivo a medidas de economia e uso racional da água", recomendou a Arsesp.

O programa de bônus foi implantado em fevereiro de 2014 para os moradores atendidos pelo Sistema Cantareira. Em fevereiro de 2016, o programa passou por mudanças na regra para o cálculo do bônus. Cada cliente passou a ter um novo consumo médio de referência.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos