Manifestantes protestam contra PEC 241 no Rio

Vladimir Platonow - Repórter da Agência Brasil

Milhares de manifestantes fizeram, na noite desta segunda-feira (24), um protesto contra a aprovação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 241, que estabelece tetos para gastos do governo federal, incluindo áreas como saúde e educação.

A manifestação começou por volta das 17h, na Igreja da Candelária, e às 18h tomou as pistas da Avenida Rio Branco, principal via do centro do Rio, que precisou ser interditada para o trânsito. Cerca de uma hora depois, a passeata chegou até a Cinelândia, onde os ativistas discursaram contra a medida e fizeram protestos contra sua aprovação. A PEC deve ir para segundo votação na Câmara dos Deputados nesta semana.

Apesar do grande número de manifestantes, o protesto foi pacífico, sempre com a presença ostensiva do Batalhão de Grandes Eventos da Polícia Militar, policiais especializados neste tipo de atividade, fortemente preparados, com roupas especiais tipo armadura e capacetes com viseiras.

Por volta das 21h, os manifestantes foram se dispersando e parte da tropa foi recolhida.

O governo federal diz que é necessário aprovar a PEC 241 como esforço para garantir o equilíbrio fiscal e econômico do país e que as áreas de saúde e educação não serão imediatamente atingidas.

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos