Diego Herculano/AFP

Violência no Rio

Ação da PM no Complexo da Maré deixa mais de 5.000 crianças sem aula

Douglas Corrêa

Da Agência Brasil

  • Johnson Parraguez/Estadão Conteúdo

    Motoristas que passavam pela Linha Amarela relatavam intensa troca de tiros na região

    Motoristas que passavam pela Linha Amarela relatavam intensa troca de tiros na região

Mais de 5.000 alunos de escolas municipais de ensino de 17 comunidades que compõem o Complexo da Maré, na zona norte do Rio de Janeiro, ficaram sem aula nesta sexta-feira (22) pelo segundo dia consecutivo, devido a uma nova operação do Comando de Operações Especiais da Polícia Militar.

Na quinta (21), ficaram sem aula 7.000 crianças por causa de outra operação da polícia. De acordo com a  Secretaria Municipal de Educação, o conteúdo será reposto.

Tropas de elite da Polícia Militar realizam desde cedo ações contra o tráfico de drogas na Maré. A comunidade é controlada pela facção Comando Vermelho, a mesma que comanda a Cidade de Deus, na zona oeste da cidade, onde no último sábado (19) um helicóptero da PM caiu quando participava de uma operação contra o tráfico de drogas.

Com o impacto da aeronave no solo, os quatro tripulantes morreram na hora.

Até o momento, policiais militares do Batalhão de Ação com Cães apreenderam um fuzil automático e drogas a serem contabilizadas na comunidade Nova Holanda.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos