Pelo menos três pessoas continuam internadas após incêndio em fábrica em Diadema

Elaine Patricia Cruz - Repórter da Agência Brasil

Pelo menos três pessoas que ficaram feridas após o incêndio ocorrido ontem (28) na fábrica Imã Spray, em Diadema, continuam internadas. Segundo o Corpo de Bombeiros, 13 pessoas ficaram feridas .  A fábrica produz cosméticos e produtos em aerossol.

A fábrica que pegou fogo não tinha licença ambiental prévia de instalação para atuarRovena Rosa/Agência Brasil

De acordo com a prefeitura da cidade, uma pessoa foi socorrida ao Hospital Municipal, mas foi liberada ontem mesmo. Mais cinco pessoas foram encaminhadas para o Hospital Estadual de Diadema, que informou à Agência Brasil que duas delas foram liberadas e mais três encaminhadas para outros três hospitais da região: Hospital São Paulo, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp); Hospital da Cruz Vermelha e Hospital Estadual Mário Covas.

O Hospital da Cruz Vermelha confirmou que uma pessoa continuava internada no local, mas seu estado de saúde não foi informado. A reportagem entrou em contato com o Hospital Mário Covas e a Secretaria Estadual de Saúde para obter informações sobre a pessoa que continuava internada no local, mas não obteve retorno até este momento. O Hospital São Paulo informou que a paciente Érica Rodrigues dos Santos deu entrada ontem no hospital e ainda continua internada, em estado estável.

Mais três pessoas que ficaram feridas no incêndio foram encaminhadas ao Hospital Innova, de Diadema, mas a reportagem não conseguiu entrar em contato com o hospital para obter informações sobre as vítimas.

A Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) informou ontem que a fábrica não tinha licença ambiental prévia de instalação para atuar. Os Bombeiros também informaram que a empresa não tinha o Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) regularizado. A reportagem tentou entrar em contato hoje com a Imã Spray, mas não obteve sucesso.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos