PF reforçará força-tarefa da Lava Jato no Rio, diz novo superintendente

Vladimir Platonow - Repórter da Agência Brasil

A Polícia Federal (PF) vai reforçar o núcleo que trabalha na Operação Lava Jato no Rio. A informação foi divulgada pelo novo superintendente da corporação no estado, delegado Jairo Souza Silva. Ele tomou posse nesta quinta-feira (23), na sede da PF, na região portuária.

"Recebi da direção geral duas missões especiais. A primeira é aumentar o efetivo e as condições de trabalho da equipe que apura desvios de dinheiro público, conhecida como força-tarefa da Lava Jato no Rio de Janeiro. A segunda é incrementar ações em parceria com a Secretaria de Segurança Pública no combate aos crimes violentos", disse Silva.

Segundo integrantes da PF, atualmente trabalham na força tarefa da Lava Jato no Rio três delegados, equipe que seria reforçada por mais dois. A solenidade teve a presença do diretor-geral da PF, delegado Leandro Daiello, entre outras autoridades da área. Em seu discurso, Daiello reafirmou a determinação de se fazer parcerias entre polícias e apoio do Judiciário e das Forças Armadas.

Daiello saiu sem falar com a imprensa, que desejava perguntar sobre o andamento da Operação Carne Fraca, na qual a PF foi criticada pela forma como a ação foi divulgada, causando um enorme prejuízo para o setor exportador de carnes brasileiro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos