PRF determina que caminhoneiros saiam do acostamento em frente à Reduc

A Polícia Rodoviária Federal  (PRF) determinou aos caminhoneiros que estão parados no acostamento da BR-040, em frente à Refinaria Duque de Caxias (Reduc), que retirem os caminhões. A ordem foi dada no fim da manhã deste sábado  (26).

Além de ser uma infração de trânsito, a medida, definida ontem pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), também proíbe a ocupação do acostamento pelos caminhoneiros.

Segundo um dos agentes da PRF responsável pela operação na Reduc, se o motorista não retirar o caminhão após a ordem, poderá ser multado, com infração média.

Os grevistas continuam mobilizados em frente à Reduc e também em frente a uma distribuidora da Shell, que fica ao lado. Eles deixam passar carros, mas param caminhões. Só caminhões-tanques que vão para órgãos públicos essenciais podem passar.

O motorista João Paulo Silveira, que tem uma pequena empresa de cinco caminhões, com guincho para cargas pesadas, disse que já precisou demitir dois empregados e vender um dos caminhões para pagar as contas.
"Até agora não conseguimos o que queríamos. Há só promessas, mas depois volta tudo como era antes. Tem que reduzir o preço permanentemente, não só por 30 dias", disse João. "Antes, eu tirava líquido R$ 20 mil por mês. Agora só consigo R$ 5 mil", completou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos