Abastecimento melhora; Régis e Porto de Santos são liberados

O ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional, Sergio Etchegoyen, avaliou hoje, em entrevista coletiva no Palácio do Planalto, que o reabastecimento de combustível dobrou em relação a essa terca-feira: foi de 18 milhões de litros para 36 milhões.

Segundo Etchegoyen, a normalidade já chega a 53% na distribuição de combustíveis, com prioridade para o diesel. "Não temos tudo em todo os postos, é um processo lento para repor os estoques, mas caminhamos para a normalidade" disse. "Normalizamos a logística de transporte de medicamentos para urgências e emergências", acrescentou.

Ele anunciou ainda que a rodovia Régis Bittencourt, um forte de resistência da paralisação, está totalmente liberada, bem como o entroncamento de Rondonópolis (MT), de onde saíram escoltados nesta madrugada cerca de 500 caminhões. Ao longo do trajeto, o comboio foi sendo ampliado e chegou a mil caminhões, segundo relato do general. Etchegoyen adiantou também que as Forças Armadas estão liberando completamente o acesso ao Porto de Santos, o maior da América Latina. "Isso será resolvido hoje".

O governo afirmou também que não permitirá que os caminhoneiros sejam alvos de violência ou coação. "Vamos agir contra esses que ultrapassam os limites da civilidade", disse o general. "Arrancar um motorista da boleia em meio à turba é ultrapassar todos os limites", completou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos