PUBLICIDADE
Topo

Defesa Civil do Rio de Janeiro acompanha evolução de ciclone no mar

Provável área de formação deste ciclone será no oceano, mais especificamente entre os estados de SP, RJ e ES - Aloisio Mauricio/Fotoarena/Estadão Conteúdo
Provável área de formação deste ciclone será no oceano, mais especificamente entre os estados de SP, RJ e ES Imagem: Aloisio Mauricio/Fotoarena/Estadão Conteúdo

23/01/2020 19h23

A Secretaria de Estado de Defesa Civil de Rio de Janeiro (Sedec-RJ) distribuiu nota técnica informando que acompanha as condições meteorológicas em todo o estado após alerta de um ciclone no oceano que influenciará as condições meteorológicas no estado.

A provável área de formação deste ciclone, que terá características subtropicais a partir de hoje (23), será no oceano, mais especificamente entre os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo, com deslocamento para alto-mar.

De acordo com o Centro Estadual de Monitoramento e Alerta de Desastres (Cemaden-RJ), há previsão de chuva fraca a moderada durante esta quinta-feira (23) no Estado do Rio.

No decorrer do dia até a noite de sexta-feira (24), podem ocorrer pancadas de chuva moderadas a ocasionalmente fortes. Os núcleos devem atuar, principalmente, nas regiões norte e noroeste do Estado, podendo se estender às regiões Sul, Serrana e Costa Verde. O tempo ficará instável até o próximo domingo (26).

A Secretaria de Defesa Civil permanece monitorando a chuva e enviará alerta para os municípios em caso de mudança das condições climáticas.

Cabo Frio

A previsão de possível formação de um ciclone tem gerado preocupação nos moradores da região litorânea do Rio. No entanto, a Superintendência da Defesa Civil de Cabo Frio informa que não há motivos imediatos para alarde, uma vez que ainda não há previsão de ventos fortes nos próximos dias e nem de mudanças significativas na intensidade de ondas nas praias.

Cotidiano