Topo

CPI da Sabesp deve ser prorrogada até abril de 2015

2014-10-22T13:28:00

22/10/2014 13h28

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara Municipal de São Paulo que investiga o contrato entre a prefeitura de São Paulo e a Sabesp deve ser prorrogada até abril de 2015. Os vereadores que compõem o colegiado aprovaram o requerimento para a prorrogação, por mais 120 dias, da comissão, que originalmente se encerra em dezembro. Agora o pedido deve ser aprovado pelo plenário da Câmara.

Segundo o presidente da CPI, vereador Laercio Benko, a prorrogação é fundamental porque entre dezembro e abril se definirá o futuro da crise hídrica. "Ou por um lado teremos chuvas e essa chuva pode dar uma falsa sensação de conforto e o problema pode vir mais grave em dois anos, ou a chuva pode não vir como esperado e o problema pode vir de uma forma mais grave já em abril".

Ele também sugeriu que após abril, como a CPI não poderá mais ser prorrogada, as investigações continuem em âmbito estadual. "Como no dia 15 de março tomam posse novos deputados estaduais, talvez possamos passar a bola para a Assembleia Legislativa de São Paulo, para instalar essa CPI em nível estadual, porque tenho certeza que seria de absoluto interesse da população do Estado de São Paulo", afirmou.

Mais Notícias