Topo

Militantes tucanos pedem a Alvaro Dias que deixe de apoiar indicação de Fachin

De Brasília

12/05/2015 10h55

O senador Alvaro Dias (PSDB-PR), relator da indicação do nome do jurista Luiz Edson Fachin ao Supremo Tribunal Federal (STF), foi abordado por militantes tucanos ao chegar para a sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado. O grupo pediu para que ele mudasse de posição e votasse contra a aprovação do indicado pela presidente Dilma Rousseff.

Apesar de o PSDB estar contra o nome de Fachin, Dias está em campanha pelo jurista, a quem concedeu um parecer favorável em seu relatório apresentado na CCJ.

O tucano tentou argumentar com os militantes dizendo que essa não era uma questão partidária e sim de interesse nacional. "As qualidades do indicado se sobrepõem a qualquer esquizofrenia política. É hora de bom senso, ponderação e discernimento", afirmou.

O senador tucano resolveu apoiar Fachin depois de apelos que recebeu da sua base eleitoral, no Paraná. Apesar de ser gaúcho, o jurista fez carreira no Estado de Dias e é praticamente uma unanimidade no meio jurídico paranaense.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Notícias