PT tem feito autocrítica e reconhecido seus erros, diz Lula

De São Paulo

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva reconheceu que o Partido dos Trabalhadores errou e cometeu práticas que condenava, mas afirmou que a legenda tem reconhecido os erros. "O PT, através do presidente Rui Falcão, tem feito autocríticas, inclusive em notas oficiais, apesar do processo de criminalização do partido", afirmou, ao ser questionado por blogueiros, durante entrevista coletiva na sede do instituto que leva seu nome, em São Paulo.

Segundo ele, o PT precisa "perceber" que não nasceu para ser igual aos partidos trabalhadores, mas para mudar essa lógica. "No começo, fazíamos campanha vendendo de tudo, com voluntários. Hoje, ninguém quer trabalhar de graça, as campanhas foram ficando caras e parecem até filme de Hollywood e, de repente, o partido ficou igual aos outros e pessoas dentro do PT podem ter tido atitudes equivocadas", disse.

Apesar de reconhecer a necessidade da legenda de evitar que seus integrantes cometam ilícitos, Lula avaliou que não há como o PT ou qualquer pessoa "voltar às origens". O que é possível, segundo ele, é voltar a ter os mesmos compromissos e práticas.

"Quando eu era sindicalista, tomava cachaça às 5h da manhã antes fazer discurso na porta de fábrica para abrir a garganta", contou. "Eu não quero voltar às origens", disse, reforçando que o necessário é que o partido se comprometa com seus ideias.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos