Detentos libertam um refém na Penitenciária de Hortolândia

Franca - Um agente mantido refém em Hortolândia, no interior de São Paulo, foi libertado nesta terça-feira, 12, pelos detentos. Ele foi vítima da rebelião em andamento na Penitenciária Odete Leite de Campos Critter. Outros dois agentes continuam em poder dos presos, segundo a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP).

Também foi informado que o funcionário solto não sofreu ferimentos durante o tempo em que foi mantido refém na rebelião, que começou nesta segunda-feira, 11, e ao meio-dia desta terça-feira, completou 19 horas. Policiais agora negociam para que os outros dois agentes também sejam libertados.

Os detentos reclamam, entre outras coisas, da superlotação no local. Também reivindicam que seja trocada a direção da unidade.

A penitenciária tem capacidade para 855 presos e conta hoje com 1.897. Dentro e fora da unidade prisional a segurança foi reforçada, enquanto o crime segue tenso e persiste a rebelião.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos