Para Brasil voltar a crescer, governo tem que fazer dever de casa, diz Meirelles

Brasília - O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, destacou nesta quinta-feira, 27, para uma plateia de micro e pequenos empresários no Palácio do Planalto que o governo precisa controlar suas contas como condição essencial para o País voltar a crescer. "Fazer o dever de casa começando por si próprio", defendeu o ministro.

Meirelles acrescentou que, com a aprovação da PEC do Teto dos Gastos Públicos na Câmara dos Deputados, o governo de Michel Temer mostra que já está fazendo esse movimento de cuidar dos próprios gastos. O ministro ponderou, no entanto, que conter a expansão das despesas públicas não será algo simples e que exigirá muito trabalho de todos. "Não vamos nos enganar que isso é um projeto, uma empreitada fácil. É muito dura, muito difícil". Porém, segundo ele, "é o que precisamos fazer para permitir que a economia cresça."

O ministro disse também, reafirmando fala do presidente do Sebrae, Afif Domingos, que política social eficaz é aquela que gera emprego e renda e que passa pelo crescimento econômico. "Crescimento econômico no Brasil hoje passa pelo governo controlar suas próprias despesas", reforçou mais uma vez.

Para o ministro, quando a atividade começa a dar sinais de reação, o primeiro resultado é a criação de empregos nas micro e pequenas empresas, na base. "Esse é o grande impacto."

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos