Polícia localiza economista argentino desaparecido neste sábado

A Polícia localizou o economista argentino Gabriel Rivanera, de 32 anos, que havia desaparecido na madrugada deste sábado, 26, após ter ido a uma festa na Avenida Brigadeiro Luís Antonio, na região central de São Paulo. Ele foi localizado no Pronto-Socorro da Santa Casa na tarde desta segunda-feira, 28 e estava inconsciente, com ferimentos leves pelo corpo e sem os objetos pessoais, como carteira e celular.

Rivanera chegou à capital na sexta-feira e veio ao País como turista. Ele se hospedou em um hostel na Rua Haddock Lobo e havia saído por volta das 22h com um amigo para a festa, mas eles se desencontraram. A principal suspeita é de que ele tinha sido assaltado nas imediações.

A família estranhou ao perceber que o economista, que sempre estava disponível pelo celular, parou de responder às mensagens e não atendia mais ligações. Para tentar localizá-lo, seus pais e amigos entraram em contato com o hostel, que confirmou que seus pertences ainda estavam no local, e com a companhia aérea GOL, que confirmou que ele não utilizou uma passagem que tinha comprado para viajar a Recife neste sábado.

De acordo com informações da irmã do economista, Daniela Rivanera, foi registrado boletim de ocorrência no 78º Distrito Policial (Jardins). Na manhã desta segunda a família e a polícia iniciaram busca pelos hospitais da cidade para encontrá-lo. "Ele foi golpeado, está com alguns machucados, mas está bem", disse. A polícia diz que o rapaz "negou-se" a explicar o que houve, mas a irmã diz que ele ainda está incapacitado para falar. O caso será investigado pelo 5º Distrito Policial (Aclimação).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos