Operação da PF contra tráfico apreende 6 aeronaves, 35 carros e até um aeródromo

Fabio Serapião, Julia Affonso e Ricardo Brandt

São Paulo

  • Divulgação/PF

    Aeronaves apreendidas pela PF na operação All In, de combate ao tráfico de drogas

    Aeronaves apreendidas pela PF na operação All In, de combate ao tráfico de drogas

A Polícia Federal do Mato Grosso do Sul realiza nesta terça-feira, 28, a operação All in contra uma organização criminosa responsável pelo tráfico internacional de grandes quantidades de drogas e lavagem de dinheiro. A ação acontece nos Estados de Mato Grosso do Sul, Paraná, São Paulo, Goiás, Mato Grosso e Minas Gerais e seu nome faz alusão a jogada do pôquer em que todas as fichas são apostadas em uma única mão de cartas. Os traficantes, segundo a PF, se portavam como no jogo de cartas ao se arriscarem no transporte de grandes cargas de drogas.

De acordo com a PF, o grupo trazia a droga para o Brasil por meio de aeronaves e distribuía na região Sudeste, principal centro consumidor do país. Ao longo da investigação foram efetuadas duas prisões em flagrante que alcançaram três integrantes do grupo que transportavam mais de 800 kg de droga proveniente da Bolívia.

Cerca de 150 policiais cumprem 18 mandados de prisão cautelar, 25 mandados de busca e apreensão, além de sete mandados de condução coercitiva. São cumpridas também ordens para sequestro de seis aeronaves, cinco imóveis, incluindo um aeródromo, bloqueio de valores em 68 contas correntes e a apreensão de mais de 35 veículos.

A investigação da Polícia Federal revelou que o patrimônio do grupo alvo das medidas judiciais ultrapassa os R$ 7,5 milhões.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos