Polícia vai apurar saque em avião que caiu e matou casal em Sorocaba

José Maria Tomazela

Em Sorocaba (SP)

  • Fátima Souza/Arquivo Pessoal

    Avião bimotor caiu em Sorocaba, no interior do Estado de São Paulo

    Avião bimotor caiu em Sorocaba, no interior do Estado de São Paulo

A Polícia Civil vai apurar denúncias de saque no bimotor que caiu na tarde desta sexta-feira (31) na zona norte de Sorocaba, causando a morte do piloto e da única passageira da aeronave. Imagens gravadas por moradores mostram algumas pessoas invadindo o avião logo após a queda, antes da chegada da polícia e do serviço de resgate do Corpo de Bombeiros. Eles teriam saqueado os pertences dos ocupantes.

De acordo com testemunhas, pelo menos três pessoas saíram do interior da aeronave portando sacolas possivelmente com pertences das vítimas. As imagens de vídeos mostram pessoas entrando e saindo no avião com os corpos das vítimas ainda no interior da aeronave. A delegada Luciane Regina Bachir disse que as imagens serão anexadas ao inquérito que apura as causas do acidente e, se as pessoas forem identificadas, vão responder pelo crime de saque.

O bimotor, que havia decolado de Manaus, tinha capacidade para dez pessoas e passaria por manutenção no aeroporto de Sorocaba, mas caiu em um terreno baldio coberto com mato, a poucos metros de uma residência. O piloto e a passageira, que seria a mulher dele, morreram na hora. Até a noite, as identidades não tinham sido divulgadas.

O avião não explodiu, o que, segundo os bombeiros, pode indicar falta de combustível. Uma equipe do Centro Nacional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) chegou ao local no início da noite para iniciar a apuração das causas do acidente.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos