Polícia usa bombas para dispersar manifestação de índios em frente ao Congresso

Isadora Peron

Brasília

A polícia legislativa usou bombas de gás para dispersar uma manifestação de índios em frente ao Congresso Nacional nesta terça-feira, 25. O grupo está em Brasília para protestar contra o governo do presidente Michel Temer e para reivindicar o avanço na demarcação de terras indígenas.

Por volta das 15h30, os índios desceram correndo o gramado em frente ao Congresso e foram impedidos por policiais da tropa de choque de acessar a entrada que dá acesso à Câmara e ao Senado. Mais numerosos, porém, eles conseguiram furar o bloqueio e começaram a pular dentro do espelho d'água.

A polícia, então, revidou com bombas de gás. O cheiro pode ser sentido de dentro das dependências da Câmara. Alguns índios chegaram a lançar flechas em direção ao Congresso. Caixões de papel foram jogados no gramado e no espelho d'água.

Segundo os organizadores do protesto, a manifestação reuniu mais de 4 mil índios. A polícia ainda não possui uma estimativa oficial do tamanho do protesto.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos