Sírio-Libanês fará projeto para Cracolândia

Fabiana Cambricoli

  • Bruno Santos/ Folhapress

Coordenador do programa Redenção, plano municipal de combate à dependência química, Arthur Guerra anunciou na quinta-feira (1º) que o Hospital Sírio-Libanês se ofereceu para desenvolver um projeto de como deverá ser a assistência aos usuários de drogas da Cracolândia.

"Eles são especialistas em montar um programa onde os objetivos sejam bem definidos, com avaliações periódicas e identificação dos recursos", declarou.

O principal objetivo do projeto, de acordo com Guerra, será definir as melhores estratégias de continuidade do tratamento pelo dependente, após um período de internação.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos