PSDB e DEM ensaiam aliança na Bahia e em São Paulo para 2018

Pedro Venceslau

  • Mister Shadow/ASI/Estadão Conteúdo

Além da reaproximação no Congresso Nacional, PSDB e DEM também esperam estar juntos onde for possível nas eleições de 2018. No jantar que tiveram anteontem com o governador Geraldo Alckmin, em São Paulo, os líderes do DEM falaram sobre a eleição estadual na Bahia, onde o prefeito de Salvador, ACM Neto, deve reunir em seu palanque o PSDB e todos os demais partidos da base do presidente Michel Temer. O objetivo é fazer frente ao governador petista Rui Costa.

"Na Bahia os partidos anti-PT se reúnem em torno do ACM Neto. Há uma unanimidade: onde está o PT, estamos do outro lado", disse ao Estado o senador José Agripino Maia (RN), presidente nacional do DEM. Ele nega, porém, que a eleição presidencial do ano que vem tenha sido abordada. Em São Paulo, os dois partidos também devem estar juntos em torno do candidato do PSDB ao Palácio dos Bandeirantes escolhido por Alckmin. Já em Pernambuco, não há consenso entre DEM e PSDB.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos