Polícia Federal deflagra 13ª fase da Operação Ararath

Julia Affonso e Fausto Macedo

São Paulo

A Polícia Federal deflagrou nesta quarta-feira, 27, a 13.ª fase da Operação Ararath, por ordem do Supremo Tribunal Federal (STF). Os policiais cumprem quatro mandados de busca e apreensão em Cuiabá.

A primeira fase da Ararath foi deflagrada em 2014 para investigar desvio de recursos públicos no Governo de Mato Grosso.

A nova etapa da operação mira dois advogados Ricardo Spinelli, que defende o deputado Gilmar Fabris (PSD), e Ocimar Carneiro de Campos. A PF fez buscas nas casas e nos escritórios de cada um.

A 13.ª fase é um "resquício" da etapa anterior. Segundo a Ararath, na última etapa Fabris soube da deflagração da operação e saiu de casa, com uma mala nas mãos, antes da chegada da polícia. A investigação apontou que ele se encontrou com Ricardo Spinelli.

A reportagem tentou contato com Ricardo Spinelli. Ocimar Carneiro de Campos e Gilmar Fabris não foram localizados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos