MP cumpre mandados de prisão contra desvio de verbas da saúde no interior de SP

José Maria Tomazela

Sorocaba

O Ministério Público Estadual (MPE), com apoio da Polícia Militar (PM), cumpre 33 mandados de busca e apreensão e seis de prisão em cidades da região de Campinas, no interior de São Paulo. Os mandados foram expedidos em inquérito do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), que apura desvio de recursos públicos destinados à saúde.

O principal alvo da operação, segundo o MPE, é a Organização Social Vitale, que administra o Hospital Ouro Verde, um dos principais hospitais públicos de Campinas. Foram feitas buscas na sede da empresa e em órgãos municipais, inclusive a sede da prefeitura.

Conforme o Gaeco, foi apurado que a organização, que não tem fins lucrativos, é usada por gestores para obter indevida vantagem patrimonial, com o desvio sistemático de recursos públicos na área de saúde.

Há movimentação na sede do MP em Campinas, para onde estão sendo levados os documentos e materiais apreendidos. Os suspeitos detidos estão sendo levados para a 2ª Delegacia Seccional de Campinas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos