Minerva: aquisição de ativos da Marfrig deve ser concluída no 1º trimestre/2024

São Paulo, 29/11/2023 - A Minerva Foods espera concluir a aquisição dos ativos da Marfrig na América do Sul no primeiro trimestre de 2024, disse, nesta terça-feira 28, o diretor de Relações com Investidores e de Finanças da Minerva Foods, Edison Ticle, durante evento organizado pelo frigorífico. "Temos uma expectativa institucional conservadora de que, na tramitação normal, esse negócio vai ser aprovado por volta do meio do ano", disse. "Mas, se eu fosse perguntado qual a melhor estimativa para esse negócio ser aprovado, eu diria que é primeiro trimestre do ano que vem", afirmou. Segundo ele, a Minerva tem conversado com os órgãos antitruste para fazer avançar os negócios que envolvem diversos países.

Ticle afirmou que a Minerva tem a expectativa de fazer o fechamento de acordo conjunto no Brasil, Argentina e Chile. Ele acrescentou que calculava que o fechamento do Uruguai pudesse durar mais, mas pode sair antes.

Com a conclusão da aquisição dos ativos da Marfrig no continente, a Minerva passará a operar 16 plantas de abate e desossa de bovinos e ovinos, além de um centro de distribuição. A capacidade de abate é de 19,4 mil cabeças por dia. A compra foi fechada em R$ 7,5 bilhões, dos quais R$ 1,5 bilhão foi pago no momento de assinatura em 28 de agosto passado e R$ 6 bilhões deverão ser desembolsados no fechamento da transação.

As mais lidas agora