PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Taxistas fazem greve geral na Europa contra app Uber

11/06/2014 12h26

ROMA, 11 JUN (ANSA) - De Londres a Roma, passando por Paris, Berlim e Milão. A Europa enfrenta nesta quarta-feira (11) uma greve geral de taxistas, que se uniram em protesto contra a Uber, startup norte-americana que criou o aplicativo homônimo para caronas e serviços de transportes. A manifestação partiu dos taxistas britânicos que, há anos, reclamam do que consideram uma "concorrência desleal". Criado em 2009, na Califórnia, o aplicativo funciona de uma maneira simples: motoristas independentes oferecem serviços de transporte a outras pessoas.   

Por não exigir licença de taxista, é possível que um usuário normal se cadastre no site da empresa e use seu carro particular para dar carona ou conseguir uma renda extra como motorista.   

O aplicativo se conecta ao GPS dos aparelhos celulares e envia um motorista ao local onde o usuário se encontra. O app consegue calcular a distância da carona e o preço que pode ser cobrado pelo percurso. O pagamento é feito automaticamente via cartão de crédito, mas o Uber fica com uma comissão de 20% pela corrida. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Internacional