Itália encontra peças roubadas de museu há 40 anos

FLORENÇA, 24 OUT (ANSA) - A polícia italiana anunciou nesta sexta-feira (24) que encontrou 13 obras de arte roubadas em 1976 da Galeria Mozzi Bardini, em Florença. Entre as peças, há cerâmicas e maiólicas do século XVI, um prato do século IV a.C, pinturas e um artigo fabricado para o duque Alexandre de Médici. As obras são estimadas em 60 mil euros. Quatro pessoas, sendo três colecionadores privados e um vendedor de obras de arte, foram denunciadas por receptação. O acervo foi encontrado ao longo dos anos pelas cidades de Florença, Siena, Milão, Perugia, Viterbo e na província de Arezzo. As investigações partiram em 2003, após a polícia encontrar em um antiquário de Perugia um quadro roubado da Galeria Mozzi Bardini.   


A partir daí, os agentes do núcleo de proteção ao patrimônio cultural começaram a rastrear vendas de obras de arte em mercados nacionais e internacionais, incluindo em acervos privados ou em especialistas em restauração. "São obras que respeitam a variedade e a riqueza do acervo de Bardini", disse o diretor do museu da Toscana, Stefano Casciu.   


(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos