Morte de cantor italiano Luigi Tenco completa 50 anos

ROMA, 27 JAN (ANSA) - A morte do cantor e compositor italiano Luigi Tenco completa 50 anos nesta sexta-feira (27) e continua repleta de mistério.   


Tenco faleceu em 1967, aos 29 anos de idade, com um tiro na têmpora em um quarto do hotel Savoy de Sanremo, supostamente após perder o prêmio no famoso Festival de Sanremo com sua canção "Ciao Amore Ciao". O corpo foi encontrado por seu par na competição, a cantora Dalida. Junto ao cantor foi encontrado um bilhete com a seguinte mensagem: "O público quis e lhe dediquei cinco anos da minha vida. Faço isto não porque esteja cansado da vida, mas como protesto". No entanto, ao longo dos anos surgiram várias hipóteses sobre a morte do cantor, inclusive de que não teria sido um suicídio. Em 2005, após 40 anos, a justiça italiana exumou o corpo de Tenco e decidiu retomar as investigações.   


Após analisar o corpo, a justiça informou que o tipo de arma encontrada perto de Tenco, uma Ppk, era compatível com os ferimentos encontrados no corpo e todos os elementos, como o orifício de entrada e de saída da bala.   


Tenco deixou três álbuns com hits de sucesso como "Mi sono innamorato di te"; "Vedrai vedrai"; "Lontano lontano"; "Un giorno dopo l'altro"; "Ragazzo mio"; "Se stasera sono qui"; "Ho capito che ti amo". (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos