Mesmo com derrota, Pacquiao afirma que continuará lutando

ROMA, 12 JUL (ANSA) - O pugilista filipino Manny Pacquiao usou sua conta no Twitter para informar que, mesmo com a derrota confirmada para Jeff Horn, não vai abandonar o esporte que o consagrou mundialmente.   


"Eu amo esse esporte e até que essa paixão não acabe, eu irei continuar a lutar por Deus, minha família, meus fãs e meu país", escreveu o boxeador nesta quarta-feira (12).   


Ontem (11), Pacquiao recebeu a resposta de uma consultoria independente que analisou o resultado de sua luta contra Jeff Horn, que ocorreu no dia 2 de julho. A análise foi solicitada pela Organização Mundial de Boxe (WBO) após um pedido do governo filipino.   


Os especialistas mantiveram a vitória de Horn por pontos, assim como ocorreu no dia da disputa. Mesmo que a vitória fosse dada a Pacquiao, a entidade já havia informado que não mudaria o resultado do combate.   


Com a derrota, o filipino perdeu o cinturão dos meio-médios para Horn, mas no contrato assinado há a possibilidade de uma revanche do combate. Especula-se que a nova luta seja marcada para novembro. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.



Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos