PUBLICIDADE
Topo

Ferrari 250 GTO é leiloada por valor recorde nos EUA

27/08/2018 16h29

NOVA YORK E MARANELLO, 27 AGO (ANSA) - Uma Ferrari 250 GTO, de 1962, foi leiloada por US$48,40 milhões (quase R$200 milhões) e tornou-se o automóvel mais caro já vendido em um pregão, superando um recorde estabelecido em 2014, informou o site "Mashable".   


O leilão foi realizado no último domingo (26), na Califórnia, Estados Unidos, durante um evento da empresa especializada em leilões de carros "RM Sotheby's". O carro de corrida, com número de série 3413, é um de apenas 36 modelos produzidos entre 1962 e 1964. O veículo é um dos quatro que foram modificados pela Scaglietti em 1964, quando a carroceria projetada por Pininfarina foi feita mais eficiente do ponto de vista aerodinâmico. A Ferrari 250 GTO conta com uma velocidade máxima de 280 km/h e é própria para duas pessoas. O primeiro proprietário do carro, Edoardo Lualdi-Gabardi, foi um dos mais bem sucedidos pilotos privados na pista, bem como em competições de alta velocidade.   


Esta Ferrari foi vencedora do Campeonato Italiano de GT de 1962.   


(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.