PUBLICIDADE
Topo

Com 'cartão vermelho' à imprensa, Trump recebe Infantino

29/08/2018 11h18

WASHINGTON, 29 AGO (ANSA) - Com direito a cartão vermelho à imprensa, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, recebeu ontem (28), na Casa Branca, em Washington, o presidente da Fifa, Gianni Infantino.   


O encontro com o mandatário da entidade que rege o futebol mundial ocorreu por ocasião da Copa do Mundo de 2026, que será realizada pela primeira vez na história em três países: Estados Unidos, México e Canadá.   


Infantino presenteou Trump com uma camiseta personalizada e uma cardeneta com os cartões utilizados pelos árbitros para advertir os jogadores. O chefe de Estado norte-americano pegou o cartão vermelho e mostrou aos jornalistas que estavam cobrindo o encontro, sinalizando a "expulsão" da imprensa.   


Trump ainda sugeriu para que Infantino alterasse o nome oficial do esporte para "soccer", como é chamado o futebol nos Estados Unidos, ao invés de "football", já que a denominação é relacionada ao futebol americano no país.   


Apesar de faltar ainda oito anos para a competição, a Copa do Mundo de 2026 é muito bem vista pela Fifa, já que todos os 23 estádios que entrariam na competição estão em funcionamento.   


Além disso, a receita que a competição poderá dar à entidade é estimada em em US$ 14 bilhões.(ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.