Ex-ciclista italiano Sante Gaiardoni morre aos 84 anos

ROMA, 30 NOV (ANSA) - O italiano Sante Gaiardoni, único ciclista do país a conquistar duas medalhas de ouro olímpicas, morreu nesta quinta-feira (30), aos 84 anos.   

Natural de Verona, o ex-atleta subiu duas vezes no lugar mais alto do pódio na edição de 1960 dos Jogos Olímpicos, realizados em Roma.   

No megaevento esportivo, Gaiardoni venceu as provas de contrarrelógio, ficando à frente de Dieter Gieseler, e velocidade, superando Leo Sterckx e Valentino Gasparella.   

Gaiardoni também foi medalhista de ouro nos Mundiais de 1960, em Leipzig, e de 1963, em Rocourt.   

Diversos fãs de ciclismo recordam de sua rivalidade histórica com o lendário Antonio Maspes (1932-2000), heptacampeão mundial e medalhista olímpico de bronze nos Jogos de Helsinque em 1952.   

(ANSA).   

Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora