Rodada de vitórias para não favoritos nos Estados Unidos

  • Carlos Osorio/Associated Press

    Os democratas Hillary Clinton e Bernie Sanders em debate organizado pela rede CNN

    Os democratas Hillary Clinton e Bernie Sanders em debate organizado pela rede CNN

Pré-candidato republicano Marco Rubio vence o magnata Donald Trump em Porto Rico. No Maine, Bernie Sanders recupera terreno contra Hillary Clinton, que lidera a corrida democrata.

Regras eleitorais obscuras impedem que os residentes da ilha de Porto Rico votem nas eleições de novembro para presidente dos Estados Unidos, mas eles podem participar de primárias dos partidos. E nelas, o pré-candidato cubano-americano Marco Rubio venceu com 71% dos votos neste domingo (7), claramente à frente de Donald Trump. Em terceiro lugar ficou o senador do Texas Ted Cruz.

Rubio encara o resultado como uma prévia de vitória em seu Estado natal, Flórida, onde vivem cerca de um milhão de porto-riquenhos. O Estado realizará suas primárias no dia 15 de março.

No total, Rubio venceu apenas duas das primárias republicanas já realizadas --em Porto Rico e em Minnesota-- e continua bem atrás do magnata Trump e do segundo colocado, Cruz. No sábado, Rubio havia sido o grande perdedor da rodada, não tendo conseguido ficar em segundo lugar em nenhuma das quatro primárias realizadas.

No entanto, Trump também começou a sentir a concorrência, com Ted Cruz vencendo por uma clara margem nos Estados de Kansas e Maine. Trump levou a melhor na corrida em Louisiana e no Kentucky. Nos últimos dias, ele foi alvo de duras críticas de lideranças republicanas.

Clinton na liderança

Do lado dos democratas, Hillary Clinton lidera na contagem geral das primárias, bem à frente do oponente Bernie Sanders. No entanto, nas primárias deste sábado, o senador de Vermont ganhou com folga da ex-secretária de Estado em Nebraska e Kansas. Clinton, por sua vez, venceu em Louisiana. No domingo, Sanders obteve uma clara vitória no Maine.

Agora, as atenções se voltam para esta terça-feira, que terá votações primárias em Michigan e Mississippi, entre outros Estados. O candidato presidencial de cada partido poderá ser decidido já no dia 15 de março, quando serão realizadas as primárias em Estados decisivos, como Flórida e Ohio, além de Illinois, Missouri e Carolina do Norte.

Oficialmente, os delegados das duas legendas se reunirão em julho para escolher os candidatos à Presidência e à vice-presidência dos Estados Unidos e aprovar uma plataforma de princípios. A escolha dos republicanos será feita em Cleveland, em Ohio. Já a dos democratas, na Filadélfia, na Pensilvânia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos